quinta-feira, 12 de novembro de 2009

UM MUNDO CATITA

É um mundo insólito de venturas e desventuras, turbulento, confuso e caótico.
Um mundo faz-de-conta, imprevisível, de sonho, erótico e de utopia.
Um mundo das coisas do dia-a-dia, da comédia, da depressão, da fantasia e da alegria.
Um mundo excessivo, impensável, em convulsão e em explosão.
Mas é também um mundo real, humano, sensível e com coração.

Foi-me dada uma pequena participação como “Empresário do Coliseu”.
Dispensaram-me uma simpatia e amizade que me tocou e deram-me uma importância que me transtornou.
Sai da experiência a “bater na lata”, com o ego dilatado e tiques narcisistas como se pode ver.


video

terça-feira, 3 de novembro de 2009

FUNCHAL E OESTE

A MADEIRA fica já ali, no Atlântico, à mesma distância de Lisboa que Valência, ou Bilbau e a meio caminho de Paris.
É, assim, imperdoável percorrer “meio mundo” antes de visitar a Madeira, de conhecer o Funchal, de percorrer a pé as veredas das suas montanhas, sentir a emoção de uma natureza prodigiosa em paisagens únicas, o aroma das flores, fetos como estrelícias e orquídeas entre outras, admirar as escarpas do litoral, saborear a preciosidade de um bom vinho da madeira, e porque não, a famosa poncha.
Em boa hora me decidi. Fiquei com o desejo de voltar.

video

MADEIRA-FUNCHAL